Poesia

Hoje é dia / de poesia / não dissera / quem diria?

Archive for April, 2007

Pétala

Parei embaixo da árvore.

Em todo lugar, pétalas caídas ao chão, ainda brancas e macias, mas mortas.

Entretanto, sem vento nem brisa, uma delas começou a voar.

Subia, descia, fazia voltas ao meu redor.

Era um pedacinho de vida em meio à morte, uma flor viva no ar e no céu.

Era uma borboleta.

E o meu dia ficou mais bonito.